Sugestão de Fim de Semana

image_activities.jpg

Sugestão de fim-de-semana,

Sair de casa em direcção à Póvoa de Varzim até às Correntes d’Escritas.

Texto de Catarina Homem Marques e Marco Alves publicado na revista Sábado.

Acaba de ser anunciada a programação da 17.ª edição das Correntes d’ Escritas, que vai decorrer de 23 de Fevereiro a 1 de Março na Póvoa do Varzim. A organização contabiliza para este ano “75 participantes, de 11 países, sendo que mais de duas dezenas participam nas Correntes d’ Escritas pela primeira vez, 12 mesas redondas (11 na Póvoa e 1 em Lisboa), 17 lançamentos de livros/revistas literárias, sessões em escolas, cinema e exposições.

Além das mesas redondas, estão previstas várias iniciativas paralelas. Alguns destaques:

Projecção de imagens do fotógrafo Daniel Mordzinski “de escritores ao longo das suas participações nas Correntes d’ Escritas”.

– Exibição do Filme A morte de Carlos Gardel, de Solveig Nordlund, baseado no romance homónimo de António Lobo Antunes, no dia 24 de Fevereiro, às 21h45, no Cine-Teatro Garrett.

– Feira do Livro, “que este ano terá um espaço mais alargado, numa tenda que será instalada na rua em frente ao teatro”.

Exposição O mundo de António Lobo Antunes – ficções fotográficas de Ana Carvalho inspiradas na obra do autor. Para ver no Cine-Teatro Garrett.

Exposição Rostos em volta, de Hélder de Carvalho.

– Concerto comentado com o maestro António Victorino D’Almeida e Miguel Leite, com a participação especial de Aurelino Costa (integrado nas comemorações do 75.º aniversário do maestro). No dia 23, às 22h, Cine-Teatro Garrett.

– Revista Correntes d’ Escritas 15, com um “dossiê dedicado a António Lobo Antunes”. Pode ler textos de Ana Paula Arnaut, Harrie Lemmens, Maria Alzira Seixo, Rui Vieira, Rui Zink, Ana Cássia Rebelo, Matilde Campilho, Miguel Real ou Rui Spranger, entre outros.

Tornar o mundo um pouco melhor

3. Tornar o mundo um pouco melhor.gif

Na minha infância alguém citou esta frase de Baden-Powell

Mas o melhor meio para alcançar a felicidade é contribuir para a felicidade dos outros. Procurai deixar o mundo um pouco melhor de que o encontrastes e quando vos chegar a vez de morrer, podeis morrer felizes sentindo que ao menos não desperdiçastes o tempo e fizestes todo o possível por praticar o bem.

Muitas vezes pensava como poderia eu deixar o mundo melhor de que o que encontrei, o gosto de ajudar o meu próximo sempre esteve presente na minha vida, o cuidar do outro sempre foi incutido na minha educação.

Por Ana Maria Leal, Técnica de Gerontologia da Good4life

Continuar a ler

SUGESTÃO DE FIM DE SEMANA

3. Passeios

Hoje em dia com toda a azáfama da semana, de rotinas e horários preenchidos, resta pouco tempo de qualidade. O fim-de-semana surge como uma oportunidade para avós e netos, fazerem actividades em conjunto, de forma alegre e descontraída, sendo uma preciosa ajuda para os pais de ficam com alguma agenda livre para realizarem outras tarefas. Reforçam-se laços e privilegia-se o tempo de qualidade em família.

Continuar a ler